Parecer Prévio das Contas Anuais do Governador: um Estudo na Evidenciação pelos Tribunais de Contas Estaduais

  • Anelise Florencio de Meneses
  • Patrícia Vasconcelos Rocha Mapurunga
Palavras-chave: Parecer Prévio. Evidenciação. Tribunais de Contas.

Resumo

Objetivou-se analisar os pareceres prévios das contas anuais do governador emitidos pelos tribunais de contas estaduais a fim de identificar as evidenciações recorrentes, bem como conhecer as congruências entre os relatórios e os principais assuntos debatidos na análise das contas dos governadores estaduais. Para tanto, ao dispor da Análise de Conteúdo e da estatística descritiva, averiguou-se os relatórios de parecer prévio, referentes ao exercício de 2015, elaborados pelos 27 tribunais de contas estaduais, incluído o do Distrito Federal. Nos resultados, verificou-se baixa divulgação, tendo em vista que somente 8 tribunais disponibilizaram acesso eletrônico das informações referentes ao exercício de 2015 à sociedade. Ademais, observou-se que, em média, os relatórios analisados possuem 376 folhas, e que tratam dos limites constitucionais e legais, da gestão orçamentária, financeira, patrimonial e do acompanhamento das determinações/ recomendações de exercícios anteriores.

Referências

ABRAHAM, M. Curso de Direito financeiro brasileiro. Rio de Janeiro: Forense, 2015a.

______. Orçamento público como instrumento de cidadania fiscal. Revista Direitos Fundamentais & Democracia, Curitiba, v. 17, n. 17, p. 188-209, 2015b.

BÖCKENFÖRDE, E. W. Estudios sobre el Estado de Derecho y la democracia. Madrid: Trotta, 2000.

BRASIL. Decreto-Lei no 201, de 27 de fevereiro de 1967. Dispõe sobre a responsabilidade dos Prefeitos e Vereadores, e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 27 fev. 1967.

______. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Brasília: Senado, 1988.

______. Lei no 8.429, de 2 de junho de 1992. Dispõe sobre as sanções aplicáveis aos agentes públicos nos casos de enriquecimento ilícito no exercício de mandato, cargo, emprego ou função na administração pública direta, indireta ou fundacional e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 3 jun. 1992.

______. Lei Complementar no 101, de 4 de maio de 2000. Estabelece normas de finanças públicas voltadas para a responsabilidade na gestão fiscal e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 5 maio 2000.

______. Supremo Tribunal Federal. Mandado de Segurança 363.412. Tribunal Pleno, julgado em 19 de novembro de 2003. Relatora: Ministra Ellen Gracie, DJ, 19 mar. 2004.

______. Lei Complementar no 131, de 27 de maio de 2009. Acrescenta dispositivos à Lei Complementar no

, de 4 de maio de 2000, que estabelece normas de finanças públicas voltadas para a responsabilidade na gestão fiscal e dá outras providências, a fim de determinar a disponibilização, em tempo real, de informações pormenorizadas sobre a execução orçamentária e financeira da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 28 maio 2009.

______. Decreto no 7.185, de 27 de maio de 2010. Dispõe sobre o padrão mínimo de qualidade do sistema integrado de administração financeira e controle, no âmbito de cada ente da Federação, nos termos do art. 48, parágrafo único, inciso III, da Lei Complementar no 101, de 4 de maio de 2000, e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 27 maio 2010.

______. Lei no 12.527, de 18 de novembro de 2011. Regula o acesso a informações previsto no inciso XXXIII do art. 5o , no inciso II do § 3o do art. 37 e no § 2o do art. 216 da Constituição Federal; altera a Lei no 8.112, de 11

de dezembro de 1990; revoga a Lei no 11.111, de 5 de maio de 2005, e dispositivos da Lei no 8.159, de 8 de janeiro de 1991; e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 18 nov. 2011.

CATARINO, J. R. Problemas e perspectivas da governação financeira em ambiente aberto. Revista Fórum de Direito Financeiro e Econômico, Belo Horizonte, n. 1, mar./ago., 2012.

DI PIETRO, M. S. Z. Limites do controle externo da Administração pública: ainda é possível falar em discricionariedade administrativa? Revista Eletrônica de Direito do Estado, Salvador, n. 37, jan./mar, 2014. Disponível em: <https://goo.gl/TCiSb7>. Acesso em: 24 jan. 2016.

DWORKIN, R. Justiça para ouriços. Coimbra: Almedina, 2012.

FERNÁNDEZ, E. El problema del fundamento de los derechos humanos. Anuario de derechos humanos – UCM, Madrid, 1982.

HÄBERLE, P. El Estado Constitucional. Buenos Aires: Astrea, 2007.

HOROCHOVSKI, R. R.; CLEMENTE, A. J. Democracia deliberativa e orçamento público: experiências de participação em Porto Alegre, Belo Horizonte, Recife e Curitiba. Revista de Sociologia e Política, Curitiba. v. 20, n.

, p. 127-157, out. 2012.

LEAL, V. N. Valor das decisões do tribunal de contas. Revista de Direito Administrativo, Rio de Janeiro, v. 12, p. 418, 1948.

LUÑO, A. E. P. Derechos humanos, Estado de Derecho y Constitución. Madrid: Tecnos, 2005.

NINO, C. S. La constitución de la democracia deliberativa. Barcelona: Gedisa, 1997. SANTOS, C. A. C. Orçamento Público no México. In: ABRAHAM, M.; PEREIRA, V. P. (Orgs.). Orçamento Público no Direito Comparado. São Paulo: Quartier Latin, 2015.

______. A fiscalização pluralista e o controle democrático das finanças públicas. Uma breve introdução sobre a noção pós-moderna do controle do Estado. Revista Tributária e de Finanças Públicas, São Paulo, n. 131, nov./

dez., 2016.

SMITH, A. Inquérito sobre a natureza e as causas da riqueza das nações. Vol. II. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 2010.

TORRES, R. L. A Legitimidade democrática e o Tribunal de Contas. Revista de Direito Administrativo, Rio de Janeiro, v. 194, out./dez., 1993.

______. Tratado de direito constitucional financeiro e tributário: o orçamento na Constituição. Vol. V. Rio de Janeiro: Renovar, 2000.

______. A legitimação da capacidade contributiva e dos direitos fundamentais do contribuinte. In: SCHOUERI, L. E. (Coord.). Direito Tributário – Homenagem a Alcides Jorge Costa. São Paulo: Quartier Latin, 2003a.

______. Controles da administração financeira. In: MOREIRA NETO, D. de F. (Coord.). Uma avaliação das tendências contemporâneas do Direito Administrativo. Rio de Janeiro: Renovar, 2003b. p. 635-646.

______. Tratado de Direito Constitucional Financeiro e Tributário: os direitos humanos e a tributação – imunidades e isonomia. Vol. III. Rio de Janeiro: Renovar, 2005a.

______. Tratado de Direito Constitucional Financeiro e Tributário: valores e princípios constitucionais e tributários. Vol. II. Rio de Janeiro: Revar, 2005b.

ZYMLER, B. Direito administrativo e controle. Belo Horizonte: Fórum, 2012.

Publicado
2016-06-30
Como Citar
Meneses, A., & Mapurunga, P. (2016). Parecer Prévio das Contas Anuais do Governador: um Estudo na Evidenciação pelos Tribunais de Contas Estaduais. Revista Controle - Doutrina E Artigos, 14(1), 108-125. https://doi.org/10.32586/rcda.v14i1.317
Seção
Artigos